Actividade Física. Que quantidade se deve praticar?

Adilson Marques

Resumo


Apesar da inactividade física ser um dos maiores perigos para a saúde pública, actualmente existe conhecimento suficiente sobre os benefícios da prática regular de actividade para a promoção da saúde, bem-estar e qualidade de vida.

O conhecimento existente tem sido amplamente divulgado e tem servido de suporte para as campanhas e iniciativas para a promoção da actividade física. Muitas vezes a difusão do conhecimento, com vista à promoção da saúde das populações, tem sido feita sob a forma de recomendações para a prática de actividade física.

As recomendações são o produto do conhecimento acumulado, mas ainda assim existem algumas questões que carecem de respostas, a saber, que quantidade de actividade física é que se deve praticar para que haja benefícios ao nível da saúde?

Para responder a esta questão importa compreender a quem se destinam as recomendações e qual é o seu objectivo do ponto de vista da promoção da saúde.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.


Copyright (c) 2010 Boletim Sociedade Portuguesa de Educação Física

BOLETIM SPEF é uma publicação da Sociedade Portuguesa de Educação Física | eISSN: 2184-1594