Vida ativa saudável: Enfoque nutricional

Lúcia Dantas Leite, José Brandão Neto, Naira Josele Neves de Brito

Resumo


Para se ter uma vida ativa e saudável é indispensável compreender alguns fatores, os quais se relacionam entre si. A alimentação é primordial porque nos fornece todos os constituintes nutricionais para o perfeito funcionamento do nosso organismo.

A dieta consumida deve ser equilibrada em função da quantidade recomendável de proteínas, carboidratos, lipídeos, vitaminas, minerais, fibras, compostos bioativos e água. O zinco é o micronutriente mais importante do ponto de vista biológico, pela sua ação abrangente em relação ao genoma, metabolismo intermediário, imunologia, crescimento e desenvolvimento.

A atividade física é também um requisito relevante, uma vez que melhora e mantém a saúde. Para isso, recomendam-se, pelo menos, 30 minutos diários de exercício cumulativo e moderado. As implicações psicossociais interagem, sobremaneira, negativa ou positivamente para uma vida saudável, seja do ponto de vista físico ou psicológico.

Nesse sentido, a família, célula mater da sociedade, define comportamentos e atitudes em crianças e jovens. O alcoolismo, drogas e conflitos conjugais assumem, hoje, papel de destaque. O ambiente interage com todos os tópicos mencionados, pois define a qualidade do que se come, se bebe e se respira; define o tipo e qualidade de vida, especialmente as fontes de lazer.


Texto Completo:

PDF

Apontadores

  • Não há apontadores.


Copyright (c) 2013 Boletim Sociedade Portuguesa de Educação Física

BOLETIM SPEF é uma publicação da Sociedade Portuguesa de Educação Física | eISSN: 2184-1594